Sahga

  • Recentes

    O POVO QUER LIBERDADE? (foto)

    Quando publico informações que são contrárias aos interesses do Paço alguns me colocam contra o prefeito. Querem só informações que interessam? É assim que devo me conduzir? A ética tem que pender para lá ou para cá conforme as pesquisas de opinião? Se eu não for capaz de me manter numa linha de conduta correta o descrédito é meu.

    Além disso, falar sobre deslizes do poder é prática minha há quase 20 anos. Não é o Clésio Salvaro, Raimundo Colombo ou a Dilma Roussef, mas o poder público (municipal, estadual e federal) o meu alvo de críticas. Enquanto eu falar de coisas públicas estarei em busca de benefícios coletivos. E assim será com qualquer um que esteja na prefeitura. É um mínimo de dignidade como cidadão, no exercício da cidadania.

    De um lado a rampa para cadeirantes, de outro o meio fio. Rua Joaquim Nabuco, ao lado do Montalccino.

    Diriam que não vejo o que há de bom. Óbvio, essas coisas estão postas, estão nas obras em si e a prefeitura tem um portal só para isso. São pessoas pagas com o nosso dinheiro para dar só as notícias favoráveis. Parece que esse detalhe escapa às análises. Sim, a prefeitura gasta uma bela soma de dinheiro para falar só do que faz de bom. Não encontrarás nenhuma postagem no portal da prefeitura que fale do que não tem feito, de ruas ruins, de bocas-de-lobo quebradas, da falta de remédios nos postos de saúde, das filas pra consultas médicas e assim por diante.

    Ora, se o Paço municipal gasta do teu e do meu dinheiro para ser absolutamente parcial, como cobrar de qualquer órgão de imprensa ou deste blogueiro que noticiem o que faz de bom? Não tenho qualquer obrigação senão de apontar os erros. No dia em que eu ficar jogando flores na administração pública, sem ligar para seus erros, joguei minha moral no lixo.

    Um comentário:

    1. Certo Roldão, como falastes já existem os publicitarios, pagos pela prefeitura para falar bem dela(normal)e correto,(tb sou publicitario) pois o poder público tem faz ações beneficas, e não há ilegalidade nisso. Agora se a imprensa fazer o mesmo por questoes mercadologicas ou favorecimentos pessoais.....aí complica, sem contar q ela deve ser imparcial. Jian Luzio

      ResponderExcluir

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad