Sahga

  • Recentes

    PT ARRECADOU 51 MILHÕES EM 2011

    Vitaminada após a eleição da presidente Dilma Rousseff, a arrecadação do PT com doações cresceu no ano passado 353% em comparação a 2009, ano não eleitoral. Em 2011, a receita do partido com contribuições chegou a R$ 50,7 milhões. Dois anos antes, foi de R$ 11,2 milhões, segundo prestações de contas à Justiça Eleitoral. Em 2007, o PT havia arrecadado apenas R$ 4,2 milhões. A Folhanão comparou os dados com os de anos eleitorais pois neles as doações e gastos vão além da manutenção da máquina partidária.

    A lista de doadores de 2011 apresentada pelo PT inclui diversas empresas com interesses no governo federal. Principal empresa da holding J&F, a alimentícia JBS destinou R$ 2,9 milhões à sigla, a quarta no ranking de doadoras. A JBS tem como sócio o banco público BNDES e sua holding tem parcerias com fundos de pensão públicos na área de celulose. Hoje, a J&F é gestora das ações e potencial compradora da empreiteira Delta, alvo da CPI do Cachoeira.

    Procurada, a empresa disse que, apesar de registrado no dia 3 de março do ano passado, R$ 2 milhões do total correspondem à colaboração para a campanha eleitoral de 2010, encerrada em outubro. O grupo também doou cerca de R$ 1 milhão ao PMDB, que, segundo a prestação, arrecadou R$ 2,8 milhões. Segundo o TSE, a Andrade Gutierrez foi a maior doadora do PT, com R$ 4,7 milhões. Também doaram ao menos R$ 1 mi cada o grupo WTorre, a Estre Ambiental e a Minerva SA. Todos dizem que as doações são legais.

    O PSDB recebeu doação de seis empresas, de R$ 2,4 milhões.

    Por Catia Seabra e Breno Costa, na Folha

    Nenhum comentário

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad