Guinzani banner

Guinzani
  • Recentes

    BÍBLIA PREGA MORTE DE FILHO REBELDE

    Está escrito na Bíblia, em Deuteronômio 21:18-21: "Quando alguém tiver um filho contumaz e rebelde, que não obedecer à voz de seu pai e à voz de sua mãe, e, castigando-o eles, lhes não der ouvidos, Então seu pai e sua mãe pegarão nele, e o levarão aos anciãos da sua cidade, e à porta do seu lugar; E dirão aos anciãos da cidade: Este nosso filho é rebelde e contumaz, não dá ouvidos à nossa voz; é um comilão e um beberrão. Então todos os homens da sua cidade o apedrejarão, até que morra; e tirarás o mal do meio de ti, e todo o Israel ouvirá e temerá."

    Agora me responda, com toda a sinceridade, se isso é aceitável?

    Diriam alguns que estamos sob a Graça e a Lei do Velho Testamento não tem mais validade. Mesmo que isso seja correto, houve um momento, até há 2 mil anos, que este texto era a mais absoluta verdade. Esse texto foi a vontade divina durante mais de 1,5 mil anos, vigência da Lei Mosaica. E como tal supera qualquer interpretação. A Lei era clara: rebeldia deveria ser tratada com a morte. Além disso, a Bíblia contém este ensinamento e não há nenhum outro dizendo que este não vale mais. Na prática o que se vê é cristão usando os textos do VT como lhes interessa. O exemplo são os Salmos e textos que supostamente seriam as tais ''promessas''.

    Portanto, o mesmo Deus que enviou Jesus mandou matar criança rebelde. Talvez seja esse o caminho. Há muitos defensores da pena de morte, inclusive para filhos rebeldes que hoje seriam conhecidos como ''menores infratores''. Esses tais têm a total concordância do livro sagrado.

    Amém!

    Nenhum comentário

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad