Guinzani banner

Guinzani
  • Recentes

    ABAIXO-ASSINADO CONTRA O TRE

    Este é o texto do abaixo-assinado online que pretende mudar a decisão do TRE, o qual seguiu orientação do próprio TSE:

    "Durante anos a cidade de Criciúma se resumiu a receber da administração pública pinturas de meio fio. Em 2009 Clésio Salvaro e Márcio Búrigo entraram na prefeitura para mostrar que é possível administrar uma cidade, proporcionando melhorias em todas as áreas. Antes mesmo de ser prefeito, Salvaro já lutava pela qualidade de vida dos cidadãos e foi penalizado por isso. Hoje querem lhe tirar o direito de continuar fazendo que Criciúma cresça e seja destaque entre as maiores cidades do Brasil. Entretanto, a população não aceita isto. Em um país democrático, a voz do povo é a voz de Deus. Queremos Salvaro mais uma vez prefeito. Seis juízes não podem decidir por 76,8% da população! Se você quer Salvaro como candidato deixe seu nome completo aqui embaixo e compartilhe."

    Vamos pensar um pouquinho.

    "... pinturas de meio fio" É uma alusão direta ao governo Décio Góes que foi reeleito em 2004. Porém, há um governo entre Góes e Salvaro, o de Anderlei Antonelli. Por que não foi mencionado mesmo sendo um governo do PMDB? A razão é bem simples, Antonelli apóia CS. E se apoia virou um bom governo, ou um governo a não se mencionado, esquecido. Aliás, não vi (pode haver) qualquer menção ao seu antecessor por parte de CS.

    "Antes mesmo de ser prefeito, Salvaro já lutava pela qualidade de vida dos cidadãos e foi penalizado por isso." A única atividade de Salvaro foi fazer política. Nisso não há problemas. Porém, nada do que fez foi além da captação de votos. Não há Lei que impeça alguém de fazer o bem, tampouco punirá tal pessoa. O texto descarta que há regras para políticos ''fazerem o bem''. E, como um homem com mais de 30 anos nessa vida, não poderia alegar desconhecimento.

    "Em um país democrático, a voz do povo é a voz de Deus." Góes representou a voz de Deus em duas eleições. Pelo visto a voz da eleição de 2004 não foi respeitada e hoje serve de chacota pelos defensores de Clésio Salvaro. Se maioria é a voz de Deus, Ele o queria novamente no Paço em 2004 e mudou de ideia em 2008. Isso não é incrível? E mais, CS foi eleito com menos da metade dos votos, isso significa que a maioria (a voz de Deus) não o queria prefeito.

    "Seis juízes não podem decidir por 76,8% da população!" Podem ou não podem? Podem! E vão decidir, porque em se tratando de judiciário a única maioria que prevalece é a dos desembargadores e dos ministros. Não aceitar isso é incorrer aos tempos em que não tínhamos tais instrumentos (TRE e TSE) para acorrermos com nossas demandas eleitorais. É voltar ao tempo da boca de urna escrachada e do voto de cabresto.

    Depois de tudo isso creio que há mais questões. Teria a Lei Ficha Limpa mais poder que Deus? O TSE manda mais que Deus? Se a voz do povo é a voz de Deus o que há pra temer? Para que um abaixo-assinado se Deus é o Todo-Poderoso e não pode ser calado? Está claro que esses religiosos, que apelam para Deus, são, na verdade, um bando de nojentos. Não são nojentos por falar em nome de Deus (como se fosse possível), mas por levantar um argumento estúpido, que apela para o temor e sabidamente inservível. Eu não tenho nada com Deus, mas eles dizem que têm.

    Mas se quiser assinar está AQUI.

    Nenhum comentário

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad