Sahga

  • Recentes

    EXCLUSIVO: DNA CONFIRMA PATERNIDADE EM CRICIÚMA


    Recebi o seguinte relato pelo Facebook inbox, envolvendo um adolescente, morador do bairro Rio Maina, e seu pai, morador do centro de Criciúma:

    Sábado, 13
    Aqui em Criciúma um pai pediu na Justiça, depois de 14 anos, um teste de DNA para retirar uma pensão de 400 reais que dava ao filho. O resultado do exame será aberto em uma audiência no Fórum no dia 15, por volta das 16 horas. O garoto passou por vários médicos e psicólogos desde que soube que o pai, que era seu amigo, companheiro, que o amava, pediu o teste de DNA. Este monstro ainda exigiu que o garoto participasse de todas as audiências.

    Você que é pai e ama sua filha dê sua opinião sobre isso. Como puderam criar leis que protegem as crianças e depois submetem um garoto a isso, acabando com a vida e sonhos de um garoto?

    Ela é uma pessoa conhecida em Criciúma. Este monstro não merece o filho que tem, um garoto maravilhoso.

    Domingo, 14
    A mãe registrou o garoto com o nome dela somente. Ele foi à Justiça revogando o direito à paternidade mas se negando a fazer o DNA. Agora resolveu mudar o rumo desta historia. Onde acaba direito dele e começa o desta mãe que sofreu vários meses na época e a Justiça deu a ele o direito de registrar o filho?

    Hoje
    Amigo, deu tudo certo. Acabou há pouco. Minha amiga está muito feliz. O DNA deu positivo, o garoto é filho dele e o juiz determinou que ele jamais terá a guarda do garoto, concedendo todos os direitos à mãe. Ele chorou na audiência, pedindo perdão por todos esses anos de ausência.

    Obrigada pelo carinho.

    Nenhum comentário

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad