Guinzani banner

Guinzani
  • Recentes

    OS CARROS ALUGADOS DA ASTC

    Nota de Esclarecimento da ASTC sobre os alugueis dos veículos.

    "A ASTC (Autarquia de Segurança, Trânsito e Transportes de Criciúma), terceiriza sua frota desde 2011. Os veículos são locados pelo contrato n° 006/2011, de janeiro de 2011, com prazo de vencimento para o fim de agosto deste ano.

    A autarquia conta hoje com sete veículos, três palio para uso da Guarda Municipal e uma Doblô, e outra Doblô para os agentes de trânsito, um palio para setor de trânsito e transporte e um Palio weekend para educação. Cada Palio equipado com giroflex tem um custo mensal de R$ 1.949,17, a doblô de R$ 3.160,00, o palio para trânsito e transporte de R$ 1.845,00 sem giroflex, o Palio Weekend R$ 2.049,00.

    De acordo com Silvio Pedro Ferrelli, diretor administrativo, financeiro,patrimonial da ASTC, toda manutenção preventiva, seguro, reparos, consertos, troca de pneu e óleo é de responsabilidade da empresa contratada pela licitação. ‘’A única despesa que a autarquia tem é com a colocação de combustível e a lavação da frota’’, pontua Ferrelli.

    O diretor registra que qualquer problema no veículo a empresa locadora deve no prazo de duas horas repor outro para não prejudicar o trabalho da autarquia. "Todos veículos entregues devem ser 0km, plotados e com giroflex para os agentes e a guarda. E qualquer veículo que não venha a ser utilizado pode ser devolvido à empresa locadora sem custos’’, reforça o diretor administrativo.

    O contrato de n° 023/2013, de 05 de julho de 2013, para os novos veículos da ASTC, no segundo semestre terá na frota, quatro gol para Guarda Municipal, equipado com giroflex (luz em cima da viatura) no valor de R$ 1.929,00 cada ao mês, dois palio weekend, com giroflex para a guarda R$ 2.289,00 cada ao mês, um gol para os agentes de trânsito no valor de R$ 1.929,00,um sedan para educação ao custo de R$1.940,00 e um gol para setor de trânsito e transportes, no valor de R$ 1.800,00 sem o equipamento de giroflex.

    Com base no valor do gol, a autarquia gasta por dia R$ 64,30 para locação, manutenção, seguro e reparos. No contrato de 2013 houve redução no valor a cada veículo utilizado em relação ao de 2011."

    Minha avaliação: Do ponto de vista de valores dos veículos em si é evidente que a autarquia gasta mais com o aluguel do que se comprasse. Mas não pode ser avaliado somente assim. Há a depreciação da frota e sua renovação a cada cinco anos no máximo. Ora, os carros inservíveis para o serviço público podem ser reintegrados à frota da empresa que aluga e continuarem prestando serviços a terceiros. As vantagens são realmente muito interessantes, haja vista, que um veículo acidentado ou com um defeito qualquer não atrapalha os serviços, pois é reposto imediatamente. O custo da diferença entre ter e alugar, do ponto de vista da agilidade e evitar a burocratização da contratação de mecânica para a manutenção me parecem ser razoável. A minha dúvida é se o aluguel poderia ser menor. De qualquer forma não fica claro se o custo/benefício justifica. Pode ser que sim e, em princípio, a ideia é excelente. O furo pode estar no não cumprimento do contratado.

    Observe a imagem abaixo e compare com o aluguel de uma Doblô por dia.



    Um comentário:

    1. Não me parecem altos os valores. Na única vez que precisei alugar um carro, paguei mais de R$ 500 por cinco dias de uso de um Uno (modelo mais recente) duas portas básico.

      ResponderExcluir

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad