Sahga

  • Recentes

    GRAÇAS A DEUS!

    "Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco."

    Quando estamos diante da expressão "Graças à Deus" vemos um agradecimento ou uma mera força de expressão? É evidente que perdeu o aspecto literal, haja visto ser empregado em situações que beira o insano. Um dos exemplos mais drásticos se dá em acidente onde há um sobrevive e outras tantas pessoas morrem. A pergunta óbvia é "e os que morreram, morreram graças à Deus?".

    O "Graças a Deus" coloca as vidas humanas sob o controle divino, elimina, assim, o livre arbítrio e torna-o manipulador. Mas Deus te livrou no acidente de carro? Ué, e por que haveria de ter um acidente de carro?
    140 pessoas morreram carbonizadas na explosão de caminhão de combustíveis no Paquistão em Junho de 2017.
    Até onde, afinal de contas, Deus está atuando nas coisas da vida? É ele que determina o momento da morte? É ele que escolhe como morremos? E mais, vê-se o consolo diante do sofrimento ligado à uma sentença de vida. Se o sujeito foi uma boa pessoa, sofrendo as amarguras de uma doença, está sento "provado", como se Deus precisasse nos ver sofrendo para ter certeza de que somos fiéis a Ele. Estranho porque é de se supor que os crentes fossem protegidos por Ele. Ou, se o cara é do mal, está sendo punido. Neste aspecto fica claro a condição de juiz que as pessoas assumem, como se soubessem o que Deus quer ou está exigindo. Não raro, o sofrimento é uma expiação dos erros. Por fim, nesse contexto, o mais absurdo que vejo, o sofrimento da perda para que o sobrevivente seja provado, como se a vida de quem se foi servisse apenas para a evolução de quem fica.

    O subjetivo (apesar de não sê-lo) é que o Deus da maioria das pessoas precisa receber agradecimentos. Precisa ser bajulado. Deve ter um ego muito frágil. É movido a "graças à Deus". Caso não o reconheçamos Ele se sente abandonado e reage com punições. Resta supormos que se nada acontecesse de mal o tal Deus seria esquecido. Ele, sendo sádico e frustrado, manda desgraças para ser cultuado como libertador. Por isso ocorrem tempestades e até barragens rompidas que fodem uma cidade inteira. Às vezes acho que Ele esquece que tem TODO o poder...

    Por outro lado há quem agradeça por tudo de normal na vida a despeito do seu próprio esforço. O sujeito se forma na faculdade, estudou para tal, dedicou-se, deu do seu tempo, mas é graças à Deus. Como entender isso? Não sei. Pessoalmente não agradeço a Ele quando a conquista é minha. Também não agradeço por aquilo que é da vida, normal, comum a todos. Diante do fato de que nada, absolutamente nada nos ocorre além das possibilidades biológicas, sociais e científicas, nada há do que agradecer.

    Você estava no mundo etéreo, sem os sofrimentos e paixões humanas, mas pediu para viver nesta Terra, Deus te atendeu e, por isso, és grato? Ora, ora, ora...

    Mesmo diante de toda a normalidade da vida há quem veja milagres. Eis que, fico a meditar no quanto o sujeito, dizendo-se alvo de um milagre, esquece dos demais e, pior, coloca-se tão próximo de Deus que me surpreendo. Caso o milagre fosse verdade é de se ter certeza que Deus é seletivo. E, em sendo seletivo, é, obviamente, excludente. Quem seleciona também exclui!

    Segue o texto que, provavelmente, teria dado origem à essa expressão para vermos que o contexto é de tornar o cristão um ser impossível de existir:
    Rogamo-vos, também, irmãos, que admoesteis os desordeiros, consoleis os de pouco ânimo, sustenteis os fracos, e sejais pacientes para com todos. Vede que ninguém dê a outrem mal por mal, mas segui sempre o bem, tanto uns para com os outros, como para com todos. Regozijai-vos sempre. Orai sem cessar. Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco. Não extingais o Espírito. Não desprezeis as profecias. Examinai tudo. Retende o bem. Abstende-vos de toda a aparência do mal. E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo. Fiel é o que vos chama, o qual também o fará. Irmãos, orai por nós. Saudai a todos os irmãos com ósculo santo. Pelo Senhor vos conjuro que esta epístola seja lida a todos os santos irmãos. A graça de nosso Senhor Jesus Cristo seja convosco. Amém. (1 Tessalonicenses 5:14-28)

    Nenhum comentário

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad