Sahga

  • Recentes

    PRA VOCÊ, DESATENTO!

    A cada assunto em evidência, a cada crise, a cada polêmica surgem os mais variados discursos e narrativas. Dos teóricos de conspirações aos "especialistas" de compartilhamento. Assim é com a pandemia de Corona. A China, em especial, passou a ser alvo dos mais variados comentários. Por conta disso, tenho três considerações para você pensar comigo.

    Primeiro, se um país quer fazer guerra biológica não fará dentro de seus limites, com seu povo, mas fora. No caso desse país, o mais óbvio seria introduzir o vírus em Nova York, Paris ou Londres, os maiores destinos do mundo. A disseminação seria muitíssimo mais rápida e estaria com seus aeroportos prontos, seus cidadãos preparados etc; ao mesmo tempo com os insumos à venda. E quem saberia da origem?

    Ninguém ganha dinheiro destruindo a economia dos seus clientes. Só se enriquece vendendo, comprando e revendendo. Sem clientes, sem vendas, sem dinheiro. A China tem enriquecido justamente porque passou a produzir para o mundo. Passou a vender em larga escala, não o contrário. Aliás, esta teoria de destruição do mercado internacional é a mais burra dentre todas as imbecilidades surgidas neste período. 

    Por fim, se tens UM fornecedor e este entra em colapso ou compromete o fornecimento de alguma forma, você perde com ele. Assim é o caso da China. Há ainda outro aspecto nessa relação econômica que estrategistas de mercado vêem com facilidade. Ninguém vai perder mais que ela nas próximas décadas com o Corona Vírus, pois os mega-empresários e países como os EUA, perceberam que precisam de outros fornecedores.

    Na minha visão a África, em especial a Mauritânia, poderia receber aporte para ser outro grande parque industrial do mundo. Falo da Mauritânia por sua posição geográfica privilegia em relação aos grandes centros consumidores da América do Norte e Europa.

    É um país pobre, ávido por riqueza. Imagino que não fecharia suas portas para investidores, apesar de ser oficialmente islâmico. Exportador de ferro, ouro e cobre, também possui uma pequena reserva de petróleo. Além do clima seco, sem grandes infortúnios como inundações, furações, terremotos etc. Sua população é de 4 milhões de habitantes, com densidade demográfica das mais baixas do mundo (3,4 hab./km². O Brasil tem 22 hab./km²) e vastas áreas absolutamente desocupadas.

    É um país onde quase tudo precisa ser feito e isso é um trunfo neste cenário. Sua infraestrutura é precária, onde apenas 5% da população tem acesso à Internet. E quando quase tudo precisa ser feito, tudo pode ser planejado.


    Por ser o país mais populoso é natural que surjam mais doenças


    Nenhum comentário

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad